Até outro dia, estrear um filme em Fevereiro era pedir pra ninguém ver seu filme | JUDAO.com.br

Decisão da Warner de colocar o filme das Aves de Rapina em 07 de Fevereiro de 2020 nos cinemas mostra que a tal maldição do mês é culpa de outra coisa

A Warner marcou a estreia pro filme das Aves de Rapina para o dia 07 de Fevereiro de 2020. Independente de isso parecer pouco tempo pra um filme que nem elenco completo tem ainda, já mostra como os chamados “filmes de super-heróis” mudaram a indústria do cinema como um todo.

Até 2016, Janeiro e Fevereiro eram conhecidos como os “Dump Months” em Hollywood. Apesar de “take a dump” seja uma expressão utilizada pelos jovens para designar o ato de CAGAR, a tradução real da palavra se aplica melhor aqui, já que eram nesses meses que os grandes estúdios despejavam seus piores, seus “temos um contrato e precisamos colocar no cinema” e menos trabalhosos filmes — normalmente relançamentos em 3D, por exemplo. É como disse o Dr. Evil no Saturday Night Live, em Dezembro de 2014, sobre aquela história do #SonyHack: “é fácil matar um filme. Só jogá-lo pra Janeiro”.

São alguns os motivos pra isso, mas os mais comuns a serem ENUMERADOS são o tempo ridiculamente frio que faz durante esses dois meses, o que muita gente prefere evitar encarar, e o fato de que a galera tá torrando dinheiro desde a Black Friday, em Novembro, então talvez dê pra segurar alguma estreia — ainda mais porque Dezembro é cheio delas. Há ainda os playoffs do futebol americano e o Super Bowl e preferência para que filmes concorrentes a prêmios cheguem a mais cinemas.

TUDO ISSO faz sentido. Mas é aquela coisa... Por que alguém sairia de casa sob três metros de neve pra assistir a um filme como Tirando o Atraso, Mortdecai, Bloodrayne (dirigido pelo UWE BOLL, lembra dele?), Elektra, Segurança de Shopping, Massacre da Serra Elétrica 3D, 50 Tons de Cinza, Demolidor e outros? Pra se ter uma ideia, segundo o Slate, de 2000 a 2013, entre os filmes que fizeram mais de US$1 Milhão nos EUA e excluindo os relançamentos, a média de pontuação das estreias de Janeiro e Fevereiro no Rotten Tomatoes é de 48 e 45% respectivamente, os menores de todo o ano (só empatando com Setembro, que tem média de 48%).

Ajude o JUDAO.com.br continuar desafiando a cultura pop. Assine!
A partir de R$5 por mês.

Exceções sempre confirmaram a regra, claro. Mas foi quando Deadpool estreou, em Fevereiro de 2016, que os estúdios perceberam que a galera sai sim de casa pra ir ao cinema se, olha só que coisa incrível, o filme for bom!

Só nos EUA, o filme do mercenário tagarela faturou mais de US$363 Milhões, é a 13a adaptação de gibi mais vista no cinema, o 10o entre os da Marvel, o mais assistido da Fox, a segunda maior estreia da história de Fevereiro — e por alguns anos foi a primeira, até que Pantera Negra estreou em 2018, um ano depois que filmes como LEGO Batman, Corra! e John Wick 2 estrearam.

Isso não quer dizer, óbvio, que esse filme será minimamente bom — inclusive, se partirmos do pressuposto de que se trata de um ~spin-off de Esquadrão Suicida, não dá nem pra imaginar isso. Mas o ponto aqui é outro: a Warner percebeu que Fevereiro pode ser um mês lucrativo o suficiente pra escalar esse filme pra esse mês. E, sendo todo protagonizado por mulheres e sem nenhum filme da Marvel Studios por perto (o mais próximo estreia em Maio de 2020), tem realmente tudo pra dar certo.

Agora é só esperar. :)