Judão com as MinasNerds na Fest Comix! | Judão

Evento rola neste final de semana, entre os dias 17 e 19, em São Paulo

Começou nessa sexta (17) e vai até o próximo domingo (19) a Fest Comix no São Paulo Expo, o antigo Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. É aquela coisa: tem a tradicionalíssima área de venda de HQs, mas vai ter também um monte de convidados — internacionais, como Nobuhiro Watsuki, criador do Samurai X; Bernard Chang, de Lanterna Verde; e Steve Englehart, o criador do Senhor das Estrelas; e nacionais, como Danilo Beyruth, Adriana Melo, Mike Deodato, Vitor e Lu Cafaggi, Rod Reis, Joe Prado, Ivan Reis...

Esse ano, porém, o pessoal vai dedicar uma área inteira pra falar da representatividade das mulheres na cultura pop, a Área MinasNerds, organizado pelas (adivinha só?) MinasNerds. “O Minas surgiu por conta do machismo, infelizmente muito presente no meio nerd. Por ser jornalista especializada em entretenimento há mais de 10 anos e ser colaboradora de vários veículos, sites e revistas do meio, sempre me obriguei a fazer parte de fóruns e grupos de discussão do nicho. E, infelizmente, sempre houve muito preconceito nesse meio que é extremamente machista e misógino”, conta a Gabriela Franco, uma das fundadoras do coletivo. Ela então juntou Germana Viana, Dandi LePirate, Thais Aux e Nath Vilya e, assim, surgia o MinasNerds.

Na Fest Comix elas serão as responsáveis por vários paineis sobre RPG, HQs, Games, cosplay e diversidade, além de workshops. “Esperamos fazer um bom trabalho e impactar a vida de muita gente. É um começo e começamos com pé direito. De salto, claro”. Um desses paineis será Y: O Último Homem, que não vai falar sobre a (ótima) HQ do selo Vertigo, mas sim sobre a perceção dos homens em relação as mulheres na cultura pop.

A Gabi, que entre outras coisas, colabora com a Mundo dos Super-Heróis e com o próprio JUDÃO, será uma das mediadoras, ao lado de Paola Rodrigues (dos blogs Cartas para Helena e Não Pule da Janela). Entre os homens, estarão Daniel Esteves (roteirista, professor e membro do coletivo Petisco), Freddy Pavão (editor do site Doctor Who Brasil), J.M. Trevisan (co-autor da Tormenta e editor da antiga revista Dragão Brasil) e, obviamente, o mais importante (e lindo) de todos, o nosso editor Thiago Cardim. :)

MinasNerds

São iniciativas como a dessas MinasNerds (e tantas outras) que já estão surtindo efeito no mundo da cultura pop. “Está melhorando, melhorando muito, caminha a passos largos”, diz Gabriela, que considera HQs e o Cinema como os melhores exemplos dessa evolução. “Em alguns nichos específicos, como Games e RPG, as mudanças ainda não são tão fortes, ainda temos muitas dificuldades relacionadas à representativade adequada, por exemplo”, afirma.

“Melhorar é sempre a meta, mas ao meu ver, agora é o público que precisa se adaptar a essa nova realidade. É o público, principalmente o masculino, que precisa aceitar tais mudanças, entender a diversidade, aceitar que o mundo e a sociedade estão mudando e que agora é a hora e a vez das mulheres mostrarem seu valor, capacidade, competência, riqueza cultural e igualdade, do ponto de vista social. É uma quebra de paradigmas, hegemonias, é um movimento gigantesco que está começando e vai levar anos para se estabelecer plenamente. Por isso é importante que ele seja passado de pais para filhos. Por isso é importante começar, de algum modo. E a mudança acontece primeiro dentro de nós e, depois, fora”.

Ponto pro time das meninas. E pra Fest Comix! :)

Vamo aí? :D

21ª Fest Comix
Onde? São Paulo Expo, KM 1,5 da Rodovia dos Imigrantes (transporte gratuito do Metrô Jabaquara)
Quanto? A entrada é R$20 meia, R$40 inteira pra cada um dos dias
festcomix.com.br