Se você não entendeu ou não gostou do final de LOST, ouça as palavras de Evangeline Lilly | Judão

Quase uma década depois que o series finale foi exibido, MUITA gente se sente traído com o que assistiu. Bem, Kate tem algumas palavras pra você…

Quase 10 anos depois de ser exibido, o final de LOST continua impedindo muita gente de dormir à noite. Alguns se sentindo traídos, alguns pistolíssimos por quem se sentiu traído e acha ruim, outros tantos tentando entender o que foi que aconteceu naquele series finale (e não, não “estavam todos mortos”).

No último fim de semana, Evangeline Lilly, pra alguns a Vespa da Marvel mas, pra mim e tantos outros, a eterna Kate de LOST, esteve na Dragon Con e, num painel em que divulgava seus livros infantis, foi perguntada por uma fã (que conceito maluco esse de uma comic con em que as pessoas tem um mínimo de acesso ao artista que pagaram pra ver, né?) se existia algo importante sobre a série que as pessoas não tinham entendido ou não gostavam e que elas deveriam.

Depois de fazer metade da sala levantar a mão e gritar ao perguntar quem tinha gostado do final da série, repetindo o mesmo efeito com a outra metade, ao perguntar quem não tinha gostado, Lilly se dedicou a essa última galera. “Pra vocês que não gostaram: vocês amavam a série, porque ao fim de cada semana, nós deixávamos você com um mistério. Isso forçava vocês a irem pegar uma água, ou na mesa de jantar, se perguntarem as questões mais difíceis, normalmente bem filosóficas, algumas relacionadas a Deus ou religião e realidade, o que significa ser humano”, afirmou a atriz.

“E então, no final, você esperou sentado, respiração presa, pensando ‘eles vão nos dar a resposta'”, continuou. “Bem, isso é o que religiões fazem. Se você quer uma resposta para uma grande pergunta sobre a vida, vá para a Igreja, Deus, encontre a resposta. Mas arte... Arte deve, sempre, te devolver a pergunta, pedir pra que você olhe pro que você está vendo, ouvir o que você tá escutando, vivenciar, e aí olhar pro espelho da sua alma e entender o que aquilo significa pra você”

Não existe uma única interpretação para o final de LOST. Pra cada pessoa que está nessa sala, existe um final real e verdadeiro de LOST. Porque é apenas um reflexo de quem vocês são, e é a grande pergunta sendo feita a vocês, não a grande resposta sendo dada

Evangeline Lilly fala sobre o fim de LOST, mas serve sobre QUALQUER outra coisa. Qualquer filme, qualquer série, qualquer jogo. Serve também pra todo aquele medo DESMEDIDO de spoilers que as pessoas tem... Arte não é a entrega de respostas, é a criação de perguntas. QUALQUER coisa que dependa das respostas pra existir e funcionar, é por definição ruim.

Tipo religião, sabe? ;)

Aí embaixo você pode assistir ao vídeo com a resposta dela, na íntegra. Tá em inglês e sem legenda, porém...